Casamento Comunitário Precisa de Padrinhos?

Casamento Coletivo Precisa de Padrinhos?

O seu sonho é casar, mas não tem muitos recursos para gastar com a cerimônia, festa e recepção? Então você deve procurar o casamento comunitário. Mas como funciona casamento comunitário? Casamento comunitário precisa de padrinho? Precisa de vestido? O que vestir? Vamos te responder essas e outras dúvidas abaixo.

casamento-coletivo-precisa-de-padrinhos

Casamento Comunitário: tipos

Existem tipos de casamento comunitário. Um deles é o casamento religioso coletivo e o outro é o casamento civil coletivo.

Casamento comunitário religioso

No casamento coletivo religioso há uma cerimônia feita conforme a fé que você professa, seja catolicismo, protestantismo, dentre outros. É possível encontrar casamento civil religioso oferecido por paróquias, ONG’s, associações de moradores do bairro, dentre outros.

Você pagará uma pequena taxa, que vai depender da sua localidade e da cerimônia. Há locais, ainda, em que o casamento religioso é gratuito integralmente.

E não tenha preconceitos. Atualmente é bem comum que as pessoas optem por fazer casamento coletivo para economizar, mas sem deixar o sonho do casório com convidados de lado. Tudo funciona como se fosse um casamento “comum”.

Casamento comunitário civil

casamento coletivo civil é oferecido por diversas associações, municípios e programas governamentais. Em regra, há a abertura de prazo de inscrição para o casamento coletivo e não é preciso pagar nada. O casamento é feito com um juiz de verdade, muitas vezes com o apoio dos Tribunais de Justiça dos Estados.

Aliás, uma das finalidades do casamento coletivo é a regularização das uniões estáveis. Embora a união estável proporcione diversos direitos, o casamento legalizado tem suas vantagens. No entanto, os custos para casar da forma tradicional podem ser bem caros, pois há taxas de cartório, de registro civil, dentre outros.

Como participar do casamento coletivo?

Para participar de casamento comunitário, você deve ficar atento aos eventos disponibilizados pela prefeitura, mutirões, dentre outros. Caso tenha dúvida, não deixe de contatar a prefeitura do seu município.

Já para realizar o casamento comunitário civil você deve morar na mesma região do tribunal que oferece o serviço e tomar ciência de que deve levar toda a documentação necessária.

casamento-comunitario-precisa-de-padrinho

O que vestir no casamento coletivo?

Em regra, por ser um evento mais tradicional, usar uma roupa formal não é de todo o mal. Mas você não precisa gastar com isso. A mulher, por exemplo, pode usar vestido no casamento comunitário, e o homem um terno e gravata por exemplo.

Casamento comunitário precisa de padrinhos?

Como o casamento tradicional, o casamento coletivo religioso pode ter padrinhos, noivos, padre, pessoas assistindo. Enfim, o casamento comunitário não tem diferença alguma do casamento tradicional.

Se você tiver alguma outra dúvida a respeito do casamento comunitário, não deixe de ficar ligado nos eventos disponíveis no seu município. Não é raro que canais de comunicação como rádio, TV, jornais e redes sociais informem os prazos e datas de inscrição para casamento coletivo.

Veja os documentos exigidos no ano anterior e já deixe os seus documentos acessíveis para que não tenha problemas em realizar o seu sonho de casar!

Leia Mais

Casamento Comunitário o que vestir? Roupas, Vestidos

O que Vestir em Casamento Comunitário?

Você vai casar em um casamento comunitário? Ou conhece alguém que vai casar desta forma? Como convidada você tem dúvidas para que roupa usar imagina a noiva que não sabe que tipo de vestido pode usar neste tipo de cerimônia coletiva.

casamento-comunitario-o-que-vestir

Para esclarecimentos sobre o que é casamento coletivo geralmente é uma única cerimônia para dois ou mais casais que é uma forma econômica e divertida de se casar. Há os casamentos coletivos que são realizados por iniciativas do poder judiciário de determinada localidade e/ou poder executivo para casais que não possuem condições de pagar as taxas do casamento civil.

Há ainda dois tipos de casamento coletivo, além do casamento civil, tem o casamento religioso. No caso deste último casamento coletivo, a cerimônia é feita de acordo com a religião dos casais ou em uma cerimônia ecumênica.

Há ainda os casamentos coletivos que são uma iniciativa do poder público e/ou poder judiciário em que os casais não pagam taxas, mas há os casamentos coletivos onde se paga uma taxa onde párocos ou organizadores de igreja se responsabilizam fazer a celebração e fazer de uma forma mais econômica com mais de um casal.

O casamento civil coletivo de iniciativa do poder público exige que os casais interessados façam previamente uma inscrição com antecedência e um juiz doa seus serviços para os casais que não tem condições de pagar altas taxas dos cartórios e muitos destes casais já juntos há muito tempo querem legalizar sua situação.

Já no caso do casamento civil comunitário em que os casais têm condições de pagar taxas, mas, fazem esse tipo de casamento por escolha, principalmente para economizar nos custos da cerimônia e festa. Para que seja realizado tudo é necessário planejamento com antecedência e os custos são divididos. Os casais que decidem por esta cerimônia devem acordar com antecedência sobre todos os detalhes que sejam ao gosto de todos e tenham um consenso comum, embora às vezes sejam difíceis e cada casal deverá ser flexível. Os pontos mais problemáticos neste tipo de cerimônia é a lista de convidados e a divisão de gastos.

vestidos-simples-para-casamento-comunitario

Agora se é noiva e vai casar neste tipo de cerimônia e não sabe que tipo de vestido escolher? Muitas noivas sonham em casar com vestido de noiva tradicional com vestido branco e véu e buquê, o que não tem nenhum empecilho disso acontecer. Mas, quem prefere algo mais discreto, pode usar vestido mais simples na cor branca, ou em um tom clarinho. Importante observar se o casamento acontecerá de dia ou outro horário, pois durante o dia, dê preferência a vestido mais simples e sem brilhos. À noite, os vestidos podem ser mais ousados e com brilhos.

Agora vai ser convidada em um casamento comunitário? Não tem segredo no que vestir evitar usar, é claro algo branco, para não ser confundido com a noiva e, no caso dos homens não usar fraque para não parecer o noivo. A escolha do que vestir em casamento comunitário exige apenas bom senso nas escolhas e muitas vezes o simples é o melhor.

Leia Mais

Casamento Comunitário Documentos Necessários

Documentos Necessários para Casamento Comunitário

Casar é um sonho de muita gente e é uma infelicidade afirmar que custa tão caro, não digo apenas da festa em si, mas de tudo numa visão geral. Seja no civil ou no religioso existem várias questões envolvidas, tais como: a data no cartório, o preço da documentação, os noivos devem estar de acordo com tudo.

casamento-comunitario-documentos-necessarios

Agora você vai sanar todas as suas dúvidas sobre o casamento coletivo, uma forma mais econômica de lidar com esse tema que é o sonho de muitos.

  1. O que é o casamento comunitário?

De uma forma simples o casamento comunitário ou coletivo é a união matrimonial de vários casais ao mesmo tempo.

  1. Como funciona Casamento Comunitário?

Em sua maioria são normalmente realizados através de campanhas ou com apoio da prefeitura e/ou município local. Estes, por sua vez, anunciam com avisos e comunicados em redes sociais próprias ou através de rádio, anunciando as datas de quando estão previstas as inscrições e, também, os documentos para participar da festa.

  1. Existe alguma taxa?

As taxas são quase inexistentes ou nulas de acordo com a região que a realiza. É assim por causa da quantidade de pessoas que participam do processo, já que normalmente é uma doação dos serviços do cartório visando o melhor para a comunidade. Ou seja, foi totalmente planejado para auxílio dos casais sem condições financeiras.

  1. E os documentos necessários para casamento coletivo?

Na prática costumam ser quase os mesmos para um casamento comum.

  1. Para solteiros: Caso for solteiro você vai precisar da certidão de nascimento (Original);
  2. Para divorciados: Certidão de casamento com a Averbação do Divórcio (Original);
  3. Para os viúvos: Certidão de casamento com a comunicação de óbito ou a certidão de óbito (Originais);
  4. Comprovante de Residência;
  5. Documento de Identidade (Original);
  6. 2 (duas) testemunhas munidas dos documentos pessoais;
  7. Comprovação de renda.

Lembrando que todos esses documentos devem estar atualizados, ou seja, terem sido retirados em menos de 90 dias.

  1. Eu e ele temos filhos, tem algum problema?

Nenhum, se a criança for do casal basta ter em mãos a certidão de nascimento original.

  1. Gostaria de me casar no religioso, também tem esse benefício?

Claro. Neste caso a Igreja, paróquias e tribunais são quem realizam as campanhas desses casamentos coletivos gratuitos. A participação no casamento comunitário pode ter taxas, ou ser gratuito, algo que deverá ser informado pelo organizador da campanha, já que ele tem a responsabilidade de instruir os futuros noivos.  O mais importante neste caso é que ele deve seguir os padrões de sua crença, será melhor ainda se for dentro de sua própria comunidade.

casamento-coletivo-documentos

E caso você já for casado no civil e apenas quer uma cerimônia religiosa, basta se comunicar com o organizador, apresentar os documentos e realizar a festa.

Finalizando, as datas do casamento coletivo são divulgadas através de mídias sociais – não apenas a internet, mas também pela televisão e rádio. Deve-se ter todos os documentos necessários originais atualizados em mãos, e ficar atento às orientações recebidas. A taxa cobrada poderá ser nula ou menor que a taxa normal, isso varia de região então é muito importante se informar bem antes.

Se optar pelo casamento coletivo religioso deve seguir as mesmas regras já informadas e, o mais importante, ter certeza que o organizador vai realizar conforme a sua crença.

Leia Mais

Casamento Comunitário Locais

Locais de Casamentos Comunitários

Casamento é um sonho para muitos casais, porém ainda é um sonho de alto custo, muitos casais ficam anos após o casamento pagando a conta da festa. Além do sonho da cerimônia o documento traz diversas garantias para os conjugues.  Se casar é seu sonho, mas não está disposta a ficar anos após a festa ou quer regularizar sua situação colocando no papel o casamento, sua solução é o casamento comunitário. Já ouviu falar? Sabe como funciona o casamento comunitário? É bem simples e você poderá conferir a seguir.

casamento-comunitario-local

As cerimônias de casamento comunitário são normalmente eventos grandes com muitos casais e convidados realizados pelo governo ou com parceria com igrejas. Há dois tipos de casamentos comunitários. Os casamentos comunitários religiosos, na qual a cerimônia acontece do acordo com sua religião e os casais tem que seguir as regras da igreja. Por ser realizada na igreja esses casamentos costumam ter taxas e os noivos com os trajes formais, vestido de noiva e terno. Os casamentos comunitários civis o pré-requisito é apenas morar no mesmo município do cartório que está oferecendo o casamento comunitário, e as taxas normalmente são mais baixas ou até nulas dependendo do município. Os trajes na cerimonio civil são apenas sociais.

Quando a situação está regularizada você não só tem mais confiança como mais direitos em ocasiões como separação ou morte do conjugue. O casamento coletivo gratuito, criado inicialmente para regularizar a situação dos casais que não eram casados civilmente, se tornou uma ótima opção de casamento de baixo custo e uma oportunidade única que muitos casais não tinham.

O casamento é mais que um sonho atualmente é uma garantia de direitos, com os papeis me dia facilita várias ações feitas pelo casal e garante o direito dos conjugues. Como é um evento de grande procura normalmente é divulgado nas principais mídias como televisão e internet, e ocorre também em variadas cidades do país. Para participar basta cumprir os requisitos, fazer a inscrição e pagar a taxa (se houver).

Os benefícios que o casamento civil proporciona são vários como desconto no imposto, mudança de nome e muitos outros. Se seu sonho também é regularizar sua união ou iniciar a mesma fique de olho nas mídias e faça sua inscrição quando surgir o evento, os locais dos casamentos comunitários e das inscrições são divulgadas junto com o evento.

casamento-comunitario-locais

Documentos para Se inscrever em Casamento Comunitário

As parcerias entre governo e igrejas proporcionam aos casais casarem de acordo com sua religião. Sem mais problemas ou dores de cabeça a cerimônia acontece de maneira simples e bonito. No caso da cerimônia religiosa o padre vai até os casais individualmente para levar a benção. O serviço oferecido a comunidade garante a casai que muitas vezes oram junto há anos formalizar a união e ter diversos direitos. Para a inscrição no casamento comunitário normalmente é necessário apresentar apenas o comprovante de residência, cópia do CPF, documento de identidade e certidão de nascimento, podendo variar entre os municípios. Então fique de olho nas mídias e faça sua inscrição no casamento comunitário caso esse seja seu sonho também ou se pretende regularizar sua situação.

Leia Mais

Casamento Comunitário Como Funciona?

Como funciona o Casamento Comunitário?

Se não se casou ainda, e pretende formalizar sua união sem precisar gastar uma fortuna, esta pode ser uma boa opção para o seu caso. As diferenças entre o casamento individual e o casamento comunitário.

Uma das primeiras coisas que as pessoas pensam no momento em que falam sobre casamento, é na quantidade de capital que é preciso investir para fazer uma festa agradável e formalizar sua união. Mesmo querendo fazer um evento mais simples, os custos para empresas que trabalham com este tipo de celebração é alto, e geralmente passam de dezenas de reais.

como-funciona-casamento-comunitario

Tendo em vista o grande numero de casais que não formalizaram sua união, a sociedade criou o chamado casamento comunitário, que visa unir casais tanto na igreja como no cartório, sem precisar pagar os altos custos de uma cerimonia particular.

No entanto, muitas pessoas ainda possuem dúvidas sobre como funciona o casamento comunitário, tendo em vista que a única coisa que muda é a quantidade de casais, e a data para realização da celebração. Para tirar esta e outras dúvidas, este post foi preparado para explicar como funciona o casamento comunitário.

Particularidades do casamento comunitário

Como o próprio nome já diz, o casamento comunitário reúne uma quantidade de casais para fazer a celebração de seus casamentos em um único dia, na mesma cerimonia. Onde as igrejas e padres modificam alguns aspectos da missa para poder atender e abençoar todos os casais que naquele dia estão consagrando sua união. A grande diferença está em que, em vez de pagar as taxas colocadas pela igreja ou pelo realizador da cerimonia, no casamento coletivo estas taxas são anuladas, ou são disponibilizadas com descontos para não oferecer um orçamento apertado aos casais.

casamento-comunitario-como-funciona

O casamento comunitário no civil consiste na mesma forma: as taxas para a união são reduzidas ou eliminadas, e o cartório fica encarregado com os custos e tramites da união. Diferentemente da união estável, os direitos de um casamento são bem mais abrangentes nos casos de morte e separação.

Depois de saber como funciona o casamento comunitário, poderá acercar-se até a sua igreja de sua religião e verificar quando acontece as inscrições do casamento comunitário, pois em todo o Brasil os mesmos são realizados durante o ano todo, e é preciso estar atento para fazer um cadastro prévio mostrando o interesse. Casais que não fizerem este cadastro terão que aguardar uma próxima realização da cerimonia.

O casamento comunitário está presente na maioria das religiões e quase todas são permitidas. Porem precisam ser realizados em uma igreja e que todos sejam da mesma religião. É sempre preciso antes de tudo conhecer as regras que a igreja ou a religião colocam, como por exemplo: se é permitido fazer a união na igreja após o casal já estar convivendo juntos.

Confira quando será o casamento comunitário na sua igreja e faça seu cadastro para regularizar sua situação conjugal. Além de ser barato, poderá também realizar o sonho quase inalcançável do casamento devido aos altos custos e a demora em a organização que o mesmo implica.

Leia Mais